Arquivo para julho \31\UTC 2009

Vermelho = Sexy?

Não. E a prova são as produções feitas por duas talentosíssimas atrizes: Penelope Cruz e Cate Blanchett. Ambas adotaram o look lady in red total, sem cair no protótipo do sexy. As duas com outfits mais larguinhos, a Penelope com três peças (calça, regata e blazer), arrematado por uma sandália nude com detalhes em vermelho. O resultado foi uma imagem esportiva e elegante. Cate foi no estilo mais clássico com um vestido longo, pérolas, sandália vermelha e, apesar do decotão, também não vemos a produção resvalar para o sexy. Está aí a prova de que tudo depende da composição do look, acessórios e, claro, da pessoa que o usa.

Foto In Style

Foto In Style

 

Foto In Style

Foto In Style

Anúncios

Aos Seus Pés

Sapatos; desejados, amados, sonhados, símbolo de sensualidade, elegância para uns, fetiche para outros, são as jóias do século XXI. Amei esses das coleções primavera verão da Chanel, Valentino, Dior, Jean Paul Gaultier, Armani Privé e Elie Saab. Reparem que muitos são em base nude, com um mix de preto, outros com a parte de cima transparente.

Foto Vogue França

Foto Vogue França

Armani Privé – com recortes transparentes e a ponta com brilhos. Clean.

Foto Vogue França

Foto Vogue França

Esse da Chanel é ultra moderno – oxford bicolor com tachas.

Foto Vogue França

Foto Vogue França

Chanel de cetim vermelho, com detalhes de oncinha e pérolas.

Foto Vogue França

Foto Vogue França

Dior de cetim nude.

Foto Vogue França

Foto Vogue França

Nude meia pata Elie Saab.

Foto Vogue França

Foto Vogue França

Bota Givenchy com a frente de sandália.

Foto Vogue França

Foto Vogue França

O que é essa bota fazendo referência à película de cinema! Máximo!

Foto Vogue França

Foto Vogue França

Valentino e muitas plumas.

Foto Vogue França

Foto Vogue França

Muy Valentino!

Seja Você Mesma

Roupas, sapatos, bolsas, make, tudo isso é uma delícia, mas só se forem um espelho da sua alma, do que você é. Sextus, um filósofo Pitagórico disse: “O homem sábio é aquele que se parece com ele mesmo”. Portanto, eu acredito que devemos sempre buscar coisas diferentes para cotinuarmos…. iguais ao que somos. Para sermos fiéis ao nosso estilo, descobrindo aquilo de que gostamos, o que fica bem, o que favorece, o que você não deixa de usar mesmo já sendo datado (e daí, não é mesmo!) e aquilo que você passa ao largo, mesmo sendo o outfit mais descolado do momento.

foto sartorialist

foto sartorialist

foto sartorialist

foto sartorialist

Refletir sua personalidade na roupa é mostrar uma pessoa segura do que é, que flui pelas ruas deixando sua marca por onde passa. E se daqui a uns meses a sua vontade for mudar tudo, porque você mudou, seus gostos e modo de pensar, fique à vontade, afinal a vida é movimento e a moda é uma gostosa brincadeira. Como disse a Anna Wintour na Vogue América de agosto o importante é: “To live not only a life o beauty, but a really beautiful life”.

foto sartorialist

foto sartorialist

sartor3

foto sartorialist

foto sartorialist

foto sartorialist

Ame-o ou Deixe-o

E o boyfriend jeans, que já está sendo usado há algum tempo pelas celebrities de fora, será que pega nas ruas brasileiras? Ou será que vai ser um item usado só por fashionistas? Pela cultura da brasileira de gostar de mostrar suas curvas, acho que o boyfriend não pega em massa não. Vai ser como a calça saruel, que acabou sendo usada só por algumas corajosas, eu dentre elas. Eu acho que o boyfriend jeans tem uma bossa diferente, um charme, um que de “sou super segura e saio assim com essa calça mais larguinha”. E, apesar do shape masculino, tem um ar muito feminino se usado com acessórios mais “mulherzinha”: salto alto, colares, braceletes, e tudo fazendo um contraponto com uma camiseta podrinha.

boyfjeans

Algumas lojas, como a Leeloo já têm o boyfit jeans feito para as mulheres, mas se você não encontrar um pronto para vender o segredo é ir na seção masculina, experimentar e ver como fica.

boyfjeans2

Eu, vou investir em um, mas vou comprar uma calça mais em conta na C&A, que tem uns jeans bem legais, uns dois números maior que o meu, arrematar com um cinto de laço na cintura e sair por aí me sentindo a Katie Holmes (sem o Tom Cruise, claro).

boyfjeans3

Brilhe!

O paetê vai bombar no verão. Usado de noite ou de dia, só mudando os acessórios para amenizar o brilho.

whitney

Quando vi a foto da Whitney há uns meses atrás com esse casaquinho de paetês fiquei muito a fim de um para mim. Ele tem tudo para ser encaixado na vibe “perua”, afinal é de paetê e dourado, mas ele tem um ar super moderno e casual. Ótimo para ser usado com um jeans ou um shortinho e rasteirinha. E, não sei se dá para ver direito, mas a Whitney está com um esmalte verde menta que deve ser o da Chanel.

pPOLO2-5693984_alternate4_v330pPOLO2-5693984_standard_v330

 

 

 

 

 

 

 

 

Amenizar o paetê foi o que fez a Ralph Lauren nessa proposta primavera 2009: pegou uma calça saruel de paetê dourado e transformou num look safári, misturando com uma camisa caqui, cinto de couro e chapéu marrom. O safári amenizou o paetê e o paetê levantou o look safári. Amei! Um super jogo hi-lo!

Pérolas

chanelPérolas são clássicas e sempre estão na moda, mas parece que nesse inverno 2009 estão mais en vogue ainda. Aqui no Rio, todo camelô que se preze vende um colar de pérolas, que aliás eu acho super digno e já comprei váriooooos. Inclusive já fiz alguns com pérolas compradas na R da Alfândega. As pérolas de verdade podem ser cultivadas em água doce ou salgada, mas raras e valiosas são mesmo as encontradas na natureza, dentro de uma concha. Quando falamos em pérolas, a imagem que vem é de algo clássico, mas desde que Chanel usou as suas em forma de um displicente e longo colar, enfeitando as costas de um vestido com um vertiginoso decote atrás, pérolas passaram a ser também referência de um look moderno.

 

Assim como Rhianna fez com as suas num outfit usado em uma premiere em Londres. Lançou mão de dezenas delas para dar um toque de chilly ao clássico look preto total.

072409-rihanna-200

Comer, Rezar, Amar

Estou lendo o livro comer, rezar e amar da Elizabeth Gilbert, que fala basicamente da busca dela por TUDO. E fico pensando que talvez a vida seja mesmo uma busca que se divide no trinômio comida, espiritualidade e amor! Nessa linha vou sempre falar de lugares para se comer, lugares para dar uma pausa e olhar para dentro de si e coisas, pessoas, que a gente ama! Em tempo: o livro da Elizabeth é maravilhoso e merece um lugar de destaque na mesinha de cabeceira de vocês!

ComRezAmNovoOK


Categorias

Siga o Hi Lo Pot Pourri no Twitter

Enter your email address to subscribe to this blog and receive notifications of new posts by email.

Junte-se a 2 outros seguidores